Acabou a festa. Prefeitura de São Gonçalo interrompe evento com mil pessoas em bar

Encontro tomou a calçada com mesas e barracas, mesmo com o decreto que proíbe o funcionamento de bares e aglomerações



A festa na Avenida Doutor Eugênio Borges, no fim de semana

Não dava para esconder mil pessoas. A aglomeração num bar no Engenho do Roçado, em São Gonçalo, foi denunciada por moradores de São Gonçalo. Nem dá para dizer que o evento era clandestino: espaço foi demarcado com cercas, e havia tendas, mesas e cadeiras na frente do estabelecimento. A Secretaria de Ordem Pública acabou com a festa., na Avenida Doutor Eugênio Borges, no fim de semana.


As equipes da prefeitura flagraram cerca de mil pessoas no local, aglomeradas e sem máscara, descumprindo as medidas restritivas previstas no decreto municipal 108/2021, com normas de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus. Houve correria de participantes do evento com a chegada da Polícia Militar e da Guarda Municipal.


Além do descumprimento das medidas sanitárias, o estabelecimento funcionava em horário proibido pelo mesmo decreto, que prevê funcionamento de bares com atendimento presencial no horário de 11h às 21h e também proíbe a realização de eventos que envolvam aglomeração de pessoas. O estabelecimento foi interditado e o responsável pelo bar foi notificado pela Vigilância Sanitária, pelo descumprimento do decreto. A subsecretaria de Fiscalização de Posturas apreendeu bancos, mesas e cadeiras que estavam de forma irregular em via pública.

O decreto municipal 108/2021, detalha medidas restritivas de proteção à vida no combate à covid-19 e segue em vigor até o dia 5 de abril. Pelo decreto, bares, restaurantes e estabelecimentos congêneres podem funcionar para consumo no estabelecimento e retirada de alimentos, entre 11h e 21h, sendo vedada a permanência de clientes após este horário. Fica permitido o serviço de entrega de refeições e lanches, por meio de aplicativos de entrega ou delivery, entre 6h e 23h.

Também está proibida a realização de eventos sociais em ambientes como salões e casas de festas, inclusive infantis, e espaços de recreação infantil, parques de diversões itinerantes, clubes sociais, parques temáticos e de qualquer atividade com presença de público, que envolva aglomeração de pessoas, tais como eventos desportivos, shows, casas noturnas, boates, carros de som, trio elétrico, passeata, parques externos e internos, salas de jogos, cinemas, espaços de entretenimento externos e internos, inclusive eventos culturais, de entretenimento e de lazer, feiras de negócios e exposições, eventos corporativos.