Aumenta procura por testes de Covid-19 em farmácias e laboratórios de Niterói

Redes de farmácia registram aumento significativo em comparação com todo o ano passado


Por Amanda Ares

Fila na porta do laboratório Sérgio Franco, diariamente, na rua Presidente Backer

Testes rápidos de Covid, encontrados em farmácias


A demanda por testes de farmácia para a Covid-19 superou em dois meses todo o ano de 2020, segundo a Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias (Abrafarma). Em Niterói, duas grandes redes de farmácias também registraram um aumento na procura.


O movimento também pode ser notado nos laboratórios da cidade, que fazem o exame de Covid, o teste rápido e o PCR. No Sérgio Franco, na rua Presidente Backer, as atendentes recebem os pacientes na porta, para evitar aglomeração na sala de espera.


A rede de drogarias Venâncio, por exemplo, identificou um crescimento de 64% na busca pelos testes rápidos de antígeno e de anticorpos entre fevereiro e março de 2021, no Estado do Rio. Em Niterói, a rede realizou 1.591 exames entre 1o de junho de 2020 e 31 de março deste ano, o que dá uma média de 176,7 testes por mês. Mas em de março de 2021, a rede observou um salto para 194 testes, e fechou o primeiro trimestre de 2021 com 558 testes realizados.


Pixabay


A Drogarias Pacheco informou que conta com 42 lojas no Estado do Rio de Janeiro prestando o serviço de testagem para Covid-19, e que realiza uma média de 25 atendimentos diários por loja. Deste total, três unidades estão localizadas em Niterói, com uma média de 26 atendimentos diários por loja.


Segundo a gerente de serviços e operações de saúde do grupo, no comparativo entre os meses de janeiro e março de 2021, a rede identificou um aumento na procura por testes de Covid-19 de 20% em Niterói e 55% no Rio de Janeiro.


Leia mais: 'Niterói vive pior momento da pandemia, com risco de colapso hospitalar', diz Secretário


Os testes rápidos de anticorpo da Covid-19 avaliam a presença de anticorpos IgG e IgM, já os testes de antígeno, que verificam a presença do vírus no corpo. O resultado do teste é liberado em até 15 minutos após o procedimento, e o cliente recebe o documento impresso e também por e-mail, com laudo de um laboratório parceiro.