Butantan prevê entrega de 20 milhões de doses de Coronavac em março

Diretor do Instituto disse que imunizante está sendo testado contra novas variantes, e os resultados preliminares são promissores

Covonavac é produzida no Brasil pelo Butantan. Divulgação


O Instituto Butantan planeja entregar mais 20 milhões de doses de Coronavac até o fim de março. A informação foi confirmada pelo diretor do órgão, Dimas Covas, durante entrevista à GloboNews, na noite de domingo.


Leia mais: Fiocruz confirma entrega e Niterói pode ter vacinação acelerada a partir de março


— Foi possível adiantar a produção prevista e vamos trabalhar nesse sentido para que as vacinas sejam entregues o mais breve possível — afirmou Covas.


Das 20 milhões de doses previstas para este mês, 5,6 milhões devem ser entregues até 13 de março. Com esse total, mais 10 milhões de brasileiros poderão ser imunizados contra a Covid-19.


Na mesma entrevista, Dimas Covas afirmou que os testes para utilização da Coronavac contra novas variantes do Coronavírus já estão sendo feitos em laboratório e têm se mostrado promissores.


— Até o final da próxima semana, vamos ter os primeiros resultados. Com relação à variante inglesa e à variante sul-africana, foram feitos testes lá na China e, embora ainda não divulgados oficialmente, os resultados foram muito positivos — afirmou.