Câmara de Niterói aprova aumento para Prefeito, Vice e Secretariado, mas para 2022

Atualizado: Jan 1

Reajuste foi aprovado por 10 votos a 6. Veja a lista dos vereadores que votaram a favor e os que votaram contra o aumento

Manifestante protesta contra o aumento de salário para Prefeito, vice e secretários de Niterói, em frente à Câmara. Foto de Andréa Machado


Em uma acalorada sessão na tarde desta quarta-feira (30), a Câmara Municipal de Niterói voltou a aprovar o aumento de salário para Prefeito, Vice e todo o secretariado. A aprovação foi por uma diferença menor do que na véspera, com 10 votos favoráveis e seis contrários. Antes da votação, foi feita uma emenda aos artigos 1º e 2º do Projeto de Lei 269. Com isso, o reajuste passará a vigorar a partir de 2022. A alegação é de que o aumento imediato não poderia acontecer por causa da Lei Complementar 173/2020, que dispõe sobre ajuda federal aos municípios durante a pandemia.


A legislação, aprovada em maio pelo Congresso Nacional e que também permitiu um socorro de R$ 125 bilhões a estados e municípios para combater a crise do coronavírus, estabelece que servidores públicos não poderiam conceder reajustes salariais até o fim de 2021.


Votaram a favor do aumento dos salários os vereadores:


Andrigo (SDD)

Beto da Pipa (MDB)

Carlos Macedo (PRP)

Emanuel Rocha (SDD)

Gallo (Cidadania)

João Gustavo (PHS)

Leandro Portugal (PV)

Renatinho da Oficina (PTB)

Ricardo Evangelista (PRB)

Rodrigo Farah (MDB)


Os vereadores que votaram contra o aumento são:


Bruno Lessa (DEM)

Casota (PSDB)

Paulo Eduardo Gomes (Psol)

Paulo Velasco (PT do B)

Renatinho (Psol)

Renato Cariello (PDT)


O Presidente da Câmara, Milton Cal (PP), não votou. Não compareceram à votação Leonardo Giordano (PCdoB), Verônica Lima (PT), Paulo Bagueira (SDD) e Sandro Araújo (PPS).


Pela proposta aprovada, apresentada pela Mesa Diretora, haverá aumento de 10% para os salários do novo prefeito e do vice-prefeito e de 34% para os secretários. O custo do aumento deve ser de R$ 3,3 milhões anuais a partir de 2022. O salário bruto de Axel Grael, que assumirá a Prefeitura em 1 de janeiro de 2021, será de R$ 32.469,20 a partir de 2022. Paulo Bagueira, eleito vice-Prefeito, passará a receber R$ 28.549,12. Já o salário dos secretários que vão assumir com Grael subirá para R$ 16.542,15, se a lei for aprovada.

© 2020. A Seguir Niterói. Todos os direitos reservados. Site por Grazy Eckert e João Marcos Latgé.