Candidatos a Prefeito de Niterói falam de planos para o Caminho Niemeyer

Entre os projetos, a revitalização do local para a promoção de eventos culturais

Por Livia Figueiredo


Uma das obras que integram o Caminho Niemeyer / Foto: Reprodução da internet


Projetado pelo renomado arquiteto Oscar Niemeyer nos bairros litorâneos da cidade, o Caminho Niemeyer é um conjunto de edificações culturais de grande valor arquitetônico. O complexo de obras se estende por 11 km de extensão ao longo da orla da cidade e abrange desde a Praça do Povo, no Centro de Niterói, até a Estação do Catamarã, no bairro de Charitas. Fundação Oscar Niemeyer, Memorial Roberto Silveira, Teatro Popular Oscar Niemeyer, Praça Juscelino Kubitschek, Reserva Cultural, MAC e Estação Catamarã são as obras que compõem o complexo.


Leia também:


O Caminho Niemeyer faz de Niterói a segunda cidade com maior quantidade de obras assinadas pelo arquiteto Niemeyer, ficando atrás apenas de Brasília. O conjunto de obras, cujo objetivo inicial é revitalizar a orla da cidade junto à Baía de Guanabara e o Centro, está nos planos de governo dos candidatos a Prefeito. Confira as principais propostas sobre o futuro do Caminho Niemeyer:


Axel Grael:


Segundo o candidato do PDT, Axel Grael, o Caminho Niemeyer recebeu nos últimos anos investimentos importantes, sendo considerado hoje um dos equipamentos públicos mais visitados de Niterói. Ele afirma que os niteroienses descobriram as possibilidades do Teatro Popular, que, além de um espaço para grandes eventos, se tornou também local de lazer para famílias e jovens que vão passear e também patinar. Durante a pandemia, Grael destaca que o Caminho Niemeyer foi responsável por sediar, de forma segura, um drive in com programação de filmes e shows de humor para todas as idades.


-Quando o prefeito Rodrigo Neves assumiu a Prefeitura, o espaço estava fechado desde 2009 e foi reaberto no primeiro ano de gestão, pois o prefeito e eu, que era vice-prefeito, entendemos a importância do local para a democratização da cultura e para a história de Niterói. Desde então, o Caminho Niemeyer recebeu investimentos importantes de revitalização e manutenção do espaço. A Praça JK foi revitalizada, o Teatro Popular Oscar Niemeyer foi reaberto ao público e o Centro de Atendimento Ao Turista do Caminho Niemeyer foi inaugurado. O espaço continuará, cada vez mais, sendo utilizado para a promoção e democratização da cultura em Niterói. Vamos manter as atividades diversificadas e ampliar, de forma segura para a população, a promoção de shows, teatros, feiras e demais eventos, possibilitando um ambiente de lazer de qualidade, seguro e diverso, com programação extensa - afirmou o candidato do PDT.


Ele acrescenta:


-Vamos consolidar Niterói como destino turístico mundial de arquitetura e urbanismo, explorando este potencial das obras de Niemeyer, além do patrimônio histórico e as intervenções de mobilidade urbana da cidade.


Flávio Serafini


Flávio Serafini, candidato do PSOL, enxerga o Caminho Niemeyer como parte fundamental de uma política de cultura para cidade. No seu plano de governo, consta o lançamento de editais, o estímulo à apresentação de peças teatrais, de grupos musicais e a realização de eventos de cultura, sem deixar de lado a política dos editais e a valorização da cultura periférica.


-É muito importante a gente democratizar o acesso e a produção de cultura na nossa cidade. Vamos integrar, urbanisticamente, o Caminho Niemeyer ao Terminal. Eles são vizinhos, mas é como se fossem muito distantes, pois se trata de uma obra inacabada. Nós vamos retomar contato para ter um projeto de integração do terminal com o Caminho Niemeyer, para que ele seja valorizado e plenamente ocupado – disse o candidato do PSOL.


Felipe Peixoto


O candidato do PSD, Felipe Peixoto, reforça a importância do Caminho Niemeyer para a economia da cidade, mas afirma que, com o abandono da atual gestão, o complexo de obras precisa de revitalização urgente. Ele diz que em seu plano de governo consta o planejamento de uma série de projetos, como a construção de um moderno centro de convenções de médio porte, que ficaria localizado no Caminho Niemeyer, com toda a infraestrutura periférica necessária. Peixoto também cita a transformação do prédio da Fundação Oscar Niemeyer em museu com exposição permanente, como parte do acervo do maior arquiteto que o Brasil já teve.


-Em parcerias com a iniciativa privada, vamos criar um calendário de eventos anual para manter sempre em atividade o espaço onde o público poderá ver esculturas, maquetes, projetos e outros trabalhos que Niemeyer realizou ao longo de mais de 70 anos de atuação na arquitetura, muitos deles em Niterói, cidade que conserva o segundo maior acervo do arquiteto em todo o país – declarou o candidato do PSD.


Juliana Benício


Em contrapartida, a candidata do partido Novo, Juliana Benício, diz que avalia hoje o Caminho Niemeyer como uma grande ineficácia. Ela cita como exemplo o primeiro prédio do Caminho, que é ocupado atualmente pela Secretaria de Obras.

-É inadmissível ver obras tão importante subutilizadas. Temos que buscar parcerias públicos-privadas para realizar atividades que sejam do interesse do turismo e da cultura da cidade – reiterou a candidata do Novo.


Allan Lyra


O candidato do PTC, Allan Lyra, também vê má administração no Caminho Niemeyer hoje. Ele afirma que existe uma Secretaria criada intencionalmente para fazer a gestão do local e que, de acordo com ele, “serve apenas como cabideiro de emprego”:

-Está no meu plano de governo realizar a concessão da área para a iniciativa privada para que possa haver uma periodicidade de eventos no local, revitalizando a região do Centro de Niterói e fazendo com que a cidade tenha um maior fluxo de turistas - reforçou Lyra.


Deuler da Rocha


Já o candidato do PSL, Deuler da Rocha, diz que uma das suas propostas é restabelecer no ciclo cultural a realização de festivais, em suas variadas áreas, como nas artes plásticas, na literatura, na música, sempre agregando patrocínio.

-Para todo esse processo, os equipamentos municipais de cultura, incluindo o Caminho Niemeyer, serão fundamentais, pois servirão como palcos de grandes eventos cultuais que podem fomentar a economia, gerar empregos e ainda elevar a cidade num patamar de “cidade de festivais culturais”, ajudando jovens a desenvolverem talentos em diversas áreas – concluiu o candidato do PSL.


728x90.gif

© 2020. A Seguir Niterói. Todos os direitos reservados. Site por Grazy Eckert e João Marcos Latgé.