Candidatos a Prefeito de Niterói pedem votos na chuva e no escuro

Atualizado: Nov 2

Sem pesquisas, com padrinhos e sinais trocados, campanha chega à reta final


por Silvia Fonseca

Felipe Peixoto e o vice na chapa, Bruno Lessa (à esquerda), com eleitora em campanha na chuva. Foto: Divulgação


O jeito tem sido fazer campanha na chuva e no escuro. A duas semanas do primeiro turno das eleições municipais, os candidatos a Prefeito de Niterói entram na reta final pedindo votos até debaixo d’água, como durante este fim de semana, e sem uma pesquisa eleitoral de grandes institutos ou encomendada por órgãos de imprensa. O resultado tem sido muita névoa, com prefeitáveis e eleitores sem saber quais dos candidatos de fato têm chances de ir ao segundo turno, quem disputa vaga com quem e qual “padrinho” o niteroiense está aprovando ou rejeitando.


Acompanhe série de entrevistas com candidatos a Prefeito de Niteroi:


O horário eleitoral não tem ajudado nem os candidatos nem os eleitores. Passa na Rede TV, de baixa audiência, que sequer é transmitida para quem tem canal a cabo, por exemplo. Além disso, o candidato do atual Prefeito, Axel Grael (PDT), tem quase metade dos dez minutos de programa diário de tarde e à noite. Por causa da coligação de 14 partidos, sobra tempo para ele mostrar obras da gestão Rodrigo Neves. Já Flávio Serafini (PSOL), Juliana Benício (Novo) e Allan Lyra (PTC), com menos de um minuto cada, mal conseguem dar seus recados. Mas é a lei.


Allan Lyra, Jordy e um candidato a vereador, sem máscaras na pandemia, em carreata. Foto: Reprodução da internet


Neste sábado Serafini mostrou na TV o deputado federal Marcelo Freixo (PSOL), enquanto Allan Lyra apareceu andando numa imagem meio deslocada na Praia da Boa Viagem, com cartazes ao lado do deputado federal Carlos Jordy (PSL) e do presidente Jair Bolsonaro. Campos opostos. E entra Juliana Benício (Novo) dizendo que “chega de eleger os mesmos”.


Leia também: Candidatos se enfrentam em debate na OAB


Candidato do PSL, partido de Jordy e pelo qual Bolsonaro se elegeu, Deuler da Rocha recorre ao sambista Dudu Nobre e um jingle bem feito. O delegado da Polícia Federal mostra a estátua de Arariboia, o que também faz Felipe Peixoto, o candidato do PSD. Mobilidade é o tema principal dos dois, que falam de seus projetos, mas Felipe escorrega quando diz que vai implantar “semáforos inteligentes” em Niterói.


Semáforos, Felipe? Em São Paulo ou Niterói? Deve ser a chuva...


728x90.gif

© 2020. A Seguir Niterói. Todos os direitos reservados. Site por Grazy Eckert e João Marcos Latgé.