Niterói mantém restrições por mais uma semana

Atualizado: Abr 10

Prefeitura vai rever o decreto, incluindo maior controle sobre o comércio essencial e restaurantes; Ensino Fundamental tem reabertura adiada

Rua Moreira César com comécio fechado. Foto de leitor


A Prefeitura de Niterói foi na contramão de municípios vizinhos e decidiu manter as medidas restritivas na cidade por mais uma semana. A decisão foi anunciada nesta sexta-feira pelo Prefeito Axel Grael, durante transmissão do gabinete de crise. Um decreto prorrogando o período emergencial será publicado neste sábado com algumas alterações, que tornarão o isolamento ligeiramente mais severo.


Leia mais: Especialistas alertam que não é hora de flexibilizar, mas de fazer lockdown de verdade


Grael antecipou algumas decisões, entre elas a de não permitir a volta às aulas do Ensino Fundamental, que estavam previstas para a próxima segunda-feira. Outra novidade é sobre o funcionamento dos restaurantes, que só poderão abrir ao público de quinta a domingo da semana que vem. Os estabelecimentos também não poderão mais operar no modelo take away, ou pegue e leve, apenas com entregas em domicílio.


Outra mudança em relação ao decreto anterior é o controle do que é vendido em supermercados. A partir da semana que vem, os estabelecimentos só comercializarão itens realmente essenciais: alimentos, bebidas e produtos de higiene e limpeza.


Na explicação sobre os motivos de manter as restrições, Axel Grael apresentou um gráfico com acompanhamento do indicador síntese, que posiciona a cidade nos diferentes níveis de alerta. Depois de um susto no começo da semana, quando o painel de acompanhamento chegou a bater 12,88 pontos, os números voltaram apresentar aparente estabilidade. Nesta sexta-feira, o indicador chegou a 11 pontos, o que mantém a cidade no Alerta Laranja. Pelo Plano de Transição para o Novo Normal, esse nível demanda fechamento de atividades econômicas.


— A gente foi mantendo a estratégia de restrições para que as pessoas ficassem em casa. Hoje o indicador síntese voltou a 11 pontos. Se chegarmos a 10, voltamos para o amarelo, que é uma situação mais tranquila do que estava quando chegamos a esse pico — afirmou o Prefeito.


Ainda segundo Grael, o momento ainda é delicado e exige esforços para que a tendência de queda se concretize.


— O importante é que estamos fazendo um esforço muito grande, que tem protegido a nossa cidade. Os resultados estão começando a aparecer, mas é um momento que temos que ter muito cuidado e não colocar a perder tudo que conquistamos nesse último período de enfrentamento do pico da pandemia.