Derrota gera crise na base bolsonarista

Irmão do Deputado Carlos Jordy fica de fora da Câmara Municipal e culpa erros do Presidente Jair Bolsonaro pela derrota



A mensagem apareceu nas redes sociais. O candidato a vereador em Niterói pelo Podemos, Renan Leal, irmão do Deputado Federal Carlos Jordy, vice-lider do Presidente Bolsonaro na Câmara e maior expressão da direita na cidade, culpou o Presidente pela derrota. Para ele "a vaidade" do Presidente "fadou seus aliados à derrota" e compromete o projeto político para 2022, ano da eleição presidencial.


Renan postou, nesta segunda-feira, 16: "JMB (Jair Messias Bolsonaro) perdeu as eleições municipais, e provavelmente a de 2022 qdo achou que era maior q o próprio projeto. Fadou seus aliados e defensores a (sic) derrota eleitoral por vaidade, esqueceu q é na sola do sapato que fazemos política. Que venha Sodoma e Gomorra!!"


Não ficou sem resposta. Carlos Bolsonaro, filho do Presidente, escreveu, em seguida: "Aí, amigão (irmão do Jordy) acho que não é bem assim! Na hora de tirar foto você foi lá e agora isso! lamentável."


A reação nas redes apareceu logo e os partidários do Presidente Bolsonaro passaram a atacar o candidato derrotado, acusado de "traidor".


A crise no bloco Bolsonarista expressa o desapontamento de aliados com o desempenho nas eleições municipais. O Presidente Bolsonaro foi eleito pelo PSL. Mas logo após assumir o governo se desentendeu com a liderança do partido. Se desfiliou do PSL e anunciou que criaria seu próprio partido. Isto não aconteceu, e muitos seguidores do presidente tiveram dificuldade de encontrar legenda.


Em Niterói, Jordy tentou se apresentar candidado pelo PSL, pelo qual foi eleito em 2018, mas o partido entregou a legenda ao delegado Deuler da Rocha. Ele ainda ensaiou apoiar um candidato do Podemos, o delegado Rayol, mas, na última hora, o partido se apoiou o candidato do Prefeito Rodrigo Neves, Axel Grael. No último momento, Jordy conseguiu registrar a candidatura do conservador Allan Lyra, do PTC.


A confusão estava feita: Renan Leal registrou sua candidatura pelo Podemos, que até aquele momento teria o apoio do irmão, seu maior cabo eleitoral, que passou a conduzir as carreatas do PTC. O PTC conseguiu fazer um vereador, Douglas Gomes, com 2.416 votos, mas o Podemos não alcançou o quociente eleitoral: Renan Leal ficou fora da Câmara, apesar de ter 3.043 votos. O último vereador eleito, Folha, do PSD, teve 1.362.


Analistas políticos concordam com Renan na avaliação de que o Presidente Jair Bolsonaro sai derrotado das eleições municipais e enfraquecido em relação a seus planos de reeleição. Mais difícil analisar o que Renan Leal quis dizer quando anunciou: "Que venha Sodoma e Gomorra!"




728x90.gif

© 2020. A Seguir Niterói. Todos os direitos reservados. Site por Grazy Eckert e João Marcos Latgé.