Estudo revela bairros de Niterói com maior concentração de Coronavírus

Exame do esgoto mostra presença do vírus em todas as regiões da cidade e com maior força nas praias Oceânicas. Veja a situação do seu bairro



Todas as noites a Prefeitura divulga um boletim epidemiológico que informa o número de casos de Covid confirmados desde o início da doença, o total de mortos e o número de pessoas internadas. No boletim desta quarta-feira, 16, eram: 19.778 casos, 570 mortos e 155 internados. O relatório informa também a distribuição da doença por bairros: Icaraí tem a maior incidência, 3.236 casos, seguido de Fonseca, 1.991, e Santa Rosa, 1.459. O Barreto vem em seguida, com 1.401, e o Centro tem 1.082, para ficar apenas nos bairros com mais de mil casos.


Mas a Prefeitura faz ainda um outro tipo de rastreamento da doença. Em parceria com a Fiocruz, a cidade analisa a presença do Coronavírus em 12 diferentes pontos de despejo de esgoto, para avaliar a presença do vírus na cidade. Nas últimas semanas, praticamente todas as amostram apresentavam a presença do Coronavírus. Onzer, de 12. O mapa que a Prefeitura exibe no Sistema de Gestão da Informação, o SIGeo, mosta ainda a carga viral detectada na água. Este dado permite avaliar o volume de vírus em circulação. A curva revela que tem aumentado nas últimas semanas e o gráfico já se parece com o do período de pico da Covid na cidade. A maior presença do vírus aparece no Centro e na Região Oceânica. Essa maior intensidade pode ser confirmada pelo aumento do número de casos confirmados nestes bairros. Em Piratininga, o último boletim registrou 921 casos. Itaipu também não ficou muito atrás, com 900 registros. Provavelmente serão os próximos bairros a passar da barreira dos mil casos da doença.