Niterói lança canal para denúncia de casos de intolerância

Zap da Cidadania é o nome do novo canal para denúncia de intolerância religiosa, racismo, homofobia e abuso


Por Livia Figueiredo

Prefeitura de Niterói lança "Zap da Cidadania", iniciativa da Secretaria Municipal de Direitos Humanos (SMDH) / Foto: Luciana Carneiro


Um canal para denúncias de violações de direitos humanos. É o que propõe o “Zap da Cidadania”, novo canal que a Prefeitura de Niterói acaba de disponibilizar para a população do município. As denúncias podem ser feitas através do número de WhatsApp: (21) 96992-9577. O “Zap da Cidadania” é uma iniciativa da Secretaria Municipal de Direitos Humanos (SMDH) e faz parte do Sistema Integrado de Direitos Humanos do município. Através do número casos de intolerância religiosa, trabalho escravo, racismo, homofobia, abuso infantil ou prisões injustas poderão ser denunciados. Segundo o secretário de Direitos Humanos, Raphael Costa, o objetivo do canal é reduzir os casos de violações e diminuir a impunidade. - O "Zap da Cidadania" vai facilitar a ponte entre as pessoas e o poder público, garantindo acesso aos direitos fundamentais. Além disso, estamos cumprindo uma das nossas metas para os primeiros 100 dias de governo, conforme estratégia do nosso prefeito Axel Grael - afirma Costa. O atendimento aos cidadãos e acompanhamento dos casos será feito por uma equipe técnica da SMDH, composta por advogados, assistentes sociais e psicólogos. O "Zap da Cidadania" funciona de segunda a sexta, das 9h às 17h. O cidadão pode enviar mensagens, vídeos e fotos das situações de intolerância ou injustiça.