Niterói reforça vigilância sobre profissionais para evitar 'vacina de vento'

De acordo com a Prefeitura, enfermeiros e técnicos de enfermagem também estão recebendo treinamento

Drive-thru do Gragoatá. Divulgação/Prefeitura de Niterói


A Prefeitura de Niterói reforçou a supervisão dos profissionais de saúde envolvidos na vacinação contra a Covid na cidade para evitar novos casos de "vacina de vento". A informação é do próprio município, que também garante que todos estão passando por treinamento, onde são informado sobre as melhores práticas na aplicação dos imunizantes. A iniciativa vem após denúncia sobre uma profissional ter aplicado vacina "fake". A técnica foi desligada da Secretaria de Saúde e indiciada pela Polícia Civil.


Leia mais: Em um mês, Coronavac possibilitou 72,5% de toda a imunização em Niterói


"A Secretaria reforçou a orientação dos protocolos de aplicação da vacina com os funcionários e supervisores dos pontos de vacinação.", diz a nota da Prefeitura.


O reforço no acompanhamento do trabalho dos enfermeiros e técnicos dos postos de vacinação é para evitar que o caso registrado esta semana se repita. Niterói foi parar no noticiário nacional depois que uma profissional de saúde foi filmada fingindo aplicar a Coronavac em um idoso, no posto de vacinação drive-thru do Gragoatá.


Ainda segundo a Prefeitura, técnica de enfermagem, que já havia sido afastada assim que o caso veio à tona, também foi desligada do quadro de funcionários da Secretaria Municipal de Saúde. Já o idoso que recebeu a vacina de vento no drive-thru foi devidamente imunizado em casa no mesmo dia do incidente.


Na última quarta-feira, a profissional de saúde envolvida no caso foi indiciada pela Polícia Civil por infração sanitária preventiva e crime de peculato - quando o agente público desvia recursos ou bens público, no caso, a dose de vacina.