Niterói estuda retomada das aulas presenciais em janeiro de 2021

Reabertura das escolas no Ensino Fundamental e Educação Infantil será discutida com especialistas e representantes das escolas

Por Livia Figueiredo

Escolas adotarão modelo híbrido / Foto: Reprodução da internet


A Prefeitura de Niterói vai criar um grupo de trabalho para o planejamento da retomada das aulas adotando modelo híbrido (presencial e online) no Ensino Fundamental e Educação Infantil a partir do início de 2021. O anúncio foi feito nesta segunda-feira (30) durante a live do Prefeito Rodrigo Neves.


Segundo ele, o grupo terá representantes das secretarias municipais de Educação, Saúde e Fazenda, Procuradoria Geral do Município, Conselho Municipal de Educação e representantes das escolas particulares de Niterói. Neves informou que o grupo irá se reunir ainda esta semana com o Comitê Científico para planejar a retomada das aulas de forma gradual e responsável.


-Esse processo acontecerá de forma muito científica e cuidadosa, com discussões envolvendo os melhores especialistas para que seja criado um plano responsável e gradual para a retomada das atividades presenciais nas escolas. Tudo isso com o objetivo de manter o controle da pandemia em Niterói – afirmou o Prefeito.


Alunos do Ensino Médio continuam tendo aulas em Niterói


Apesar de a Secretaria Estadual de Educação ter suspendido as aulas presenciais do Ensino Médio na Região Metropolitana em função da piora dos indicadores da pandemia da Covid, Rodrigo Neves destacou que as aulas para estudantes do Ensino Médio em Niterói seguem permitidas. O prefeito recordou que a retomada das atividades foi fruto de um Termo de Acordo Judicial firmado em parceria com a Defensoria Pública, o Ministério Público e o Poder Judiciário.


A Secretaria Municipal de Saúde de Niterói informa que a cidade encontra-se atualmente no estágio Amarelo Alerta Máximo, com indicador síntese de 6,88. O município já tem 17.359 casos confirmados da doença, sendo 16.557 pacientes recuperados e 158 pessoas em isolamento domiciliar sendo acompanhados pela Secretaria. Até o momento, Niterói registra 527 óbitos.