No Dia do Médico, uma homenagem a quem salva vidas e faz história

Médicos enfrentam pandemia de Covid e são voluntários para testes de vacina


O médico Raphael Bastos, de Niterói, que é voluntário em teste de vacina contra Covid


No Dia do Médico, comemorado neste domingo 18 de outubro, o A Seguir: Niterói presta uma homenagem a todos os médicos, que enfrentam a doença diariamente nos hospitais e aos que estão entre as vítimas da Covid, na pessoa do doutor Raphael Bastos. Aos 43 anos, o niteroiense atua na linha de frente contra a Covid-19 e também é voluntário nos testes da vacina CoronaVac, contra o coronavírus.


- Estamos fazendo parte da história. Daqui a 10 anos, vamos poder dizer aos nossos filhos que participamos dos estudos para a vacina. É parte da história médica contemporânea - disse o anestesista em entrevista ao site, em setembro.


Ao saber que Niterói, onde nasceu e mora, foi uma das escolhidas para testar a vacina da farmacêutica chinesa Sinovac, o médico não pensou duas vezes. Entrou em contato por e-mail e aguardou. Uma semana depois, ele e a esposa, também médica, já estavam na Policlínica Dr. Sérgio Arouca, no Vital Brazil, para serem testados.

“Quem está na linha de frente tem medo de ter a doença e transmitir para alguém”, diz Raphael

Raphael é anestesista em hospitais particulares de Niterói e o responsável pelo transporte aeromédico do Corpo de Bombeiros do Rio, onde faz o transporte de pacientes infectados do interior para a Região Metropolitana.

- Ficamos bem expostos - diz. - Todo mundo que fica exposto ao vírus tem medo do contágio, ninguém sabia nada sobre o Covid-19, é uma doença muito imprevisível, com pouco estudo e opções de tratamento que ainda não são comprovadas cientificamente - aponta, completando que atualmente as informações sobre o vírus já estão mais avançadas.


Doutor Raphael Bastos é um entre as dezenas de médicos e profissionais de saúde que o A Seguir: Niterói ouviu desde o começo da pandemia, em março. A todos eles, nossa homenagem e gratidão.


Médicos e demais profissionais de saúde atendem paciente de Covid no Antônio Pedro



A jovem médica niteroiense Raissa, que foi trabalhar no socorro a infectados numa aldeia no Xingu, também retratada no A Seguir: Niterói


O doutor Waldenir de Bragança, médico e ex-prefeito de Niterói, também falou sobre a pandemia ao A Seguir: Niterói





© 2020. A Seguir Niterói. Todos os direitos reservados. Site por Grazy Eckert e João Marcos Latgé.