Praia do Sossego disputa prêmio ecológico internacional

Atualizado: 17 de Dez de 2020

Praia é a única de Niterói concorrendo ao prêmio Bandeira Azul, concedido às marinas, praias e embarcações de turismo


Por Livia Figueiredo

Praia do Sossego, localizada entre as Praias de Camboinhas e de Piratininga, concorre ao prêmio internacional Bandeira Azul / Foto: Reprodução da Internet


Localizada em Camboinhas, a Praia do Sossego está na fase piloto para receber a Bandeira Azul, maior premiação global dedicada à gestão de praias, marinas e embarcações de turismo. A praia é a única de Niterói concorrendo ao prêmio. Os critérios de atribuição da bandeira azul incluem diversos parâmetros em categorias como: qualidade da água, informação, educação ambiental, conservação do meio ambiente local, segurança, serviços e infraestruturas de apoio.


A informação foi divulgada pelo prefeito eleito, Axel Grael, em suas redes sociais:


- Estamos na fase de visita técnica para avaliação do local frente aos critérios necessários para a premiação. Nos últimos anos, avançamos muito na agenda de sustentabilidade. Nossa cidade tem mais de 50% do território protegido, foram plantadas mais de 75 mil mudas de árvores, tivemos avanço no saneamento, aumento de balneabilidade e vamos avançar cada vez mais.


Grael reforçou em sua publicação alguns critérios que devem ser atendidos para a praia ser qualificada como turismo sustentável e responsabilidade social. De acordo com o site oficial do prêmio, no Rio de Janeiro, além da Praia do Sossego, apenas a Praia do Forno, em Búzios, concorre ao prêmio.


A Praia do Sossego é integrante da unidade de Conservação Parque Municipal de Niterói e em julho deste ano teve suas intervenções de melhoria de infraestrutura turística e ecológica concluídas, como a escada em pedra com corrimão, mirantes, guarda corpo e manejo de águas pluviais.


Já estava nos planos da Prefeitura habilitar a Praia do Sossego ao selo de bandeira azul, o que explica algumas dessas restaurações. Em 2016, a Praia de Itacoatiara recebeu o prêmio após receber uma série de exigências, como a qualidade da água do mar, que é avaliada periodicamente pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea).