Prefeitura de Niterói retoma plano de revitalizar a Orla de Charitas

Novo projeto será definido através de um concurso organizado pelo Instituto de Arquitetos do Brasil

Orla de Charitas. Divulgação/Prefeitura de Niterói


A Prefeitura de Niterói retomou os planos de revitalizar a Orla de Charitas. Quase dois anos depois de contratar uma empresa para criar planejar a reurbanizar o trecho e desistir da obra, o município contratou o Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB) para organizar um concurso que vai definir o melhor projeto de requalificação na área. O prazo de conclusão do edital é de cinco meses.


Leia mais: Comissão de Saúde da Câmara pede ampliação de equipes nos postos para acabar com filas de vacinação


A contratação do IAB foi publicada na edição desta quinta-feira do Diário Oficial. Pelo valor de R$ 500 mil, o instituto vai prestar o serviço de organização e coordenação de concurso público de estudo preliminar de "Requalificação da Orla de Charitas".


Em 2019, a Prefeitura já havia contratado uma empresa, por R$ 690 mil, para elaborar o projeto básico de reurbanização do trecho entre o Clube Naval e a Praça do Rádio Amador, mas as obras nunca foram adiante.


O projeto básico era baseado num termo de referência, criado em 2018, que previa novo mobiliário urbano, sinalização viária, adequações de infraestrutura, acessibilidade, ciclovia, postos salva-vidas, banheiros públicos, quiosques e iluminação, projeto geométrico, paginação de piso e paisagismo, além de uma solução urbanístiva para a Praça do Rádio Amador, com possibilidade de criação de um píer.