'Quem toma vacina protege a si próprio e os que estão à sua volta', diz fundador da Orquestra Grota

O maestro Márcio Selles diz que as vacinas são seguras e que elas vem sendo aplicada há mais de 60 anos


Por Livia Figueiredo

Fundador da Orquestra da Grota não entende porque as pessoas estão reagindo à vacina / Foto: Reprodução da Internet


"Quero tomar vacina! Vou me vacinar assim que estiver disponível", afirmou o fundador da Orquestra de Cordas da Grota, Márcio Selles, de 65 anos. Márcio é maestro da orquestra, que consiste em um projeto social cujo objetivo é transformar crianças e jovens da Favela da Grota do Surucucu, em Niterói, em instrumentistas e professores de música erudita. Como faz parte do grupo de risco, ele acredita que será ser vacinado na segunda leva.


- Quem toma vacina protege a si próprio e aos que estão à sua volta. As vacinas são super seguras e vem sendo aplicada há mais de 60 anos quando tomei minha primeira vacina contra varíola. Não entendo porque muitas pessoas estão reagindo. Foi durante o governo militar de Castelo Branco, que iniciou a vacinação para a erradicação da varíola, e também durante o governo militar que foi criado o PNI - Programa Nacional de Imunização - declarou

© 2020. A Seguir Niterói. Todos os direitos reservados. Site por Grazy Eckert e João Marcos Latgé.