Um nova escalada da Covid em Niterói? Veja os números que acendem o sinal de alerta

Secretaria Estadual de Saúde registou mais de 150 casos por dia, desde a semana passada; média estava em torno de 85



A Covid voltou a avançar, em Niterói, nos últimos dez dias. A tendência apareceu nos indicadores da Secretaria Estadual de Saúde que apontou a ocorrência de 921 novos casos confirmados da doença na semana epidemiológica 22, contra 621 na semana anterior. A aceleração da doença se confirmou nos dias seguintes: no domingo e na segunda (7), foram mais 333 casos notificados.


A Prefeitura de Niterói não divulga mais os indicadores diários da doença, o número de casos, mortes e internações que costumava aparecer nas redes sociais do Município. No Painel da Covid da cidade aparecem dados defasados, atualizados pela última vez em 31 de maio. Os números exibidos, tirados do boletim do Mapa da Covid do Estado, informam 36.861 casos e 1.691 mortes desde o início da pandemia, quando a estatística disponibilizada pela SES já informa 37.966 casos e 1.783 mortes. Niterói é a única cidade do estado a não divulgar boletins diários da Covid.


De acordo com os dados do Estado, na SE 21, com 621 novos casos, a Covid avançava em Niterói a uma média de 85 novas confirmações por dia. Na SE 22, com 921 registros, a média de notificações subiu para 128 por dia. A semana epidemiológica terminou no sábado. Mas mesmo no domingo e na segunda, normalmente dias de baixa notificação, foram lançados no Mapa da SES 333 novos casos documentados em Niterói, o que eleva a média para 166 por dia.


Veja tanbém: Número de casos de Covid dá um salto e aumenta 48% em Niterói em uma semana (aseguirniteroi.com.br)


A Prefeitura não se manifestou sobre estes números. No Painel da Covid, atualizou os dados do indicador-síntese que orienta a classificação de risco da cidade. O número permanece o mesmo, 9,63, e a cidade permanece em Alerta Máximo Amarelo 2. O documento carrega a data de 2 de junho. Na planilha, informam-se 484 casos da doença e 27 mortes, o que não reflete os números do estado.


No Painel da SES, a taxa de ocupação dos hospitais da rede pública de Niterói permanece estável: 58% dos leitos e 78% das vagas reservadas para pacientes de Covid estão ocupados. O resultado é melhor do que o do Rio de Janeiro, por exemplo, que se mantém com uma ocupação de 78% dos leitos e 92% das UTIs.