Vocalista do Roupa Nova, Paulinho morre aos 68 anos com Covid-19

Integrante do conjunto já na formação inicial, cantor estava internado desde outubro

Por Gabriel Gontijo


Paulinho em uma apresentação do Roupa Nova. Foto reprodução redes sociais do grupo

O vocalista e percursionista Paulo César dos Santos, mais conhecido como Paulinho, morreu na noite desta segunda (14) no Hospital Copa D'Or, em Copacabana, na Zona Sul do Rio. Ele estava internado desde a segunda semana de outubro com Covid-19. Anteriormente, passara por um transplante de medula óssea para tratar de uma leucemia. O procedimento aconteceu em setembro no Complexo Hospitalar de Niterói (CHN). O músico tinha 68 anos e deixa a mulher, Elaine Bastos, além dos dois filhos, Paulo César e Twigg, ambos também músicos. Paulinho integrava o conjunto Roupa Nova desde a sua formação, em 1980. Ele foi a voz principal de algumas das músicas mais tocadas da banda, como Whisky A Go-Go, Volta Pra Mim, Linda Demais, Canção de Verão, além de outras letras. O início de carreira foi no começo da década de 70, quando ele era vocalista e percussionista de uma banda de bailes carioca chamada Los Panchos Villa, ao lado de Kiko e de Ricardo Feghali, que também integram o conjunto desde o início. Nessa época, já frequentava as apresentações de outro grupo, Os Famks, que tinha grande influência na noite do Rio. Em 1974, recebeu o convite para cantar e tocar nessa segunda banda. Logo após entrar, convidou Kiko para substituir o guitarrista. Feghalli também passou a fazer parte do novo conjunto, que serviu de origem para o Roupa Nova.

Niterói foi palco do primeiro disco ao vivo Apesar de o cantor ter ficado internado para a realização do transplante de medula óssea em um hospital de Niterói, engana-se quem pensa que essa é a única ligação do cantor com a cidade. Em 1991, o Roupa Nova gravou seu primeiro disco ao vivo justamente na Cidade Sorriso. Na ocasião, o grupo se apresentou em uma antiga casa de shows no Fonseca. A última vez que a banda se apresentou na cidade foi em 22 de dezembro de 2018. Na ocasião, a banda apresentou o show "Todo Amor do Mundo" no ginásio do Caio Martins, em Icaraí.


© 2020. A Seguir Niterói. Todos os direitos reservados. Site por Grazy Eckert e João Marcos Latgé.