Chuva alaga ruas e dispara alerta em Niterói

Centro de Monitoramento e Operações da Defesa Civil de Niterói acionou sirenes do Morro do Estado e do Bumba Ruas alagadas, rios transbordando e sirenes acionadas em diversas comunidades diante do risco de desabamentos. Não era o Natal que a cidade esperava - num ano de enormes perdas. Depois de três dias de chuva, o Centro de Monitoramento da Defesa Civil estabeleceu estágio de alerta, às 19h20m da sexta (25), devido à chuva acumulada e à previsão de chuva forte nas próximas horas. O Prefeito Rodrigo Neves usou o Twitter para reforçar o alerta: "Nesse momento sirenes de alerta do sistema Municipal de Defesa Civil sendo acionadas em Bonfim (Fonseca), Viçoso Jardim, Morro do Estado, Nesses locais a chuva intensa dessa noite (a cidade está em estágio de Alerta) superou 70 mm em 1 hora (mais de 50% do previsto para todo mês)" - advertiu. A chuva destruiu parte do teto do Hospital Estadual Azevedo Lima, no bairro do Fonseca. Pacientes que estavam na unidade médica foram encaminhados para o Hospital Estadual Alberto Torres, no Colubandê, em São Gonçalo. Imagens veiculadas na internet mostram os estragos numa área do hospital. Estragos no Hospital Azevedo Lima. Foto: Repordução internet Nas redes sociais, os relatos se multiplicavam, vindos de diversos bairros: "Muita chuva no Fonseca." "Marquês de Paraná totalmente parada por conta de alagamentos. Não tem como passar carro." " Itaipu, próximo a rótula de encontro da Av. Central com Est. Engenho do Mato muita chuva. Quintal alagado, sistema de águas pluviais não estão suportando." "Largo da Batalha, tempestade assustadora." "Alagamento em São Francisco." "Alameda parece um dilúvio." "Foi assustador...a Rua Lilian Mercadete no Fonseca ficou com uma grande enxurrada devido a um canal que transbordou...sinistro..." "Urgência na travessa 13 engenhoca..." "Rua já esta cheia aqui em Itaipu! A terceira vez só este mês! Agua na iminência de entrar nas casas no inicio da Rua Odrazil Lizardo Camilo." Em caso de emergência, a Defesa Civil pode ser acionada pelos telefones: 199 ou 2620-0199.

© 2020. A Seguir Niterói. Todos os direitos reservados. Site por Grazy Eckert e João Marcos Latgé.