Covid mata mais um médico em Niterói

Olavo Cabral era coordenador do Samu e muito querido na cidade Reprodução de vídeo - homenagem no enterro O médico nefrologista Olavo Cabral, coordenador do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) Metropolitana II, que atende Niterói, morreu na última quinta-feira (18) vítima do Covid-19. Em cerimônia de sepultamento restrita aos familiares e amigos nesta sexta, o médico foi homenageado pela equipe em uma carreata de ambulâncias até o cemitério Parque da Colina, no Cantagalo. Olavo Cabral, além de ser um defensor do SUS e coordenar o Samu Metro II, era sócio da Clínica Nefrológico Ltda e trabalhava também no Pronto Socorro de São Gonçalo. Muitos companheiros, amigos e familiares de Olavo lamentaram sua partida nas redes sociais. Todos ressaltaram o entusiasmo e a dedicação do médico à profissão. - O Metropolitana II perde um de seus fundadores, aquele homem que falava que o macacão do Samu era a segunda pele dos samuzeiros. O Samu perde seu maior líder e seu coordenador geral, aquele profissional que representava o serviço de Niterói, da Metro II, do Estado do Rio e do Brasil. Não tinha ninguém que pensasse em Olavo e não associasse ao Samu, como também, cada vez que falamos no Samu, pensamos no Dr. Olavo. Agora, após essa perda insubstituível, só nos resta a certeza de que vamos ficar para sempre com o legado e exemplo de liderança, profissionalismo, ética, disciplina, pontualidade e humanismo dessa pessoa maravilhosa, humilde e generosa - dizia um dos posts em homenagem ao médico. Funcionários da Clínica Nefrológico LTDA também prestaram homenagem ao médico por meio de um vídeo postado nas redes sociais com fotos e recados de seus colegas de trabalho. Uma das ex-colegas, a vice-presidente da Fundação Municipal de Saúde (FMS) Maria Célia Vasconcellos, também lamentou a perda. - Hoje o dia amanheceu mais triste. Meu amigo, Dr. Olavo Cabral, Coordenador do Samu Niterói, faleceu vítima de Covid-19. Uma tristeza enorme. Tínhamos interesse comum com o tema resiliência, urgente nestes tempos tão sombrios. Olavo era um homem gentil, inteligente e sempre solícito. Um grande amigo - declarou, antecipando que a sede do Samu Regional pode receber o nome do médico. Em nota, a Fundação Municipal de Saúde (FMS) também lamentou o falecimento do Dr. Olavo. De acordo com o texto, o médico era um entusiasta da formação e capacitação de sua equipe. Ele estava há 16 anos no Samu da Metro II, sendo o pioneiro na discussão dos protocolos de trabalho e incentivando “o que ele chamava de requisitos essenciais para ser um membro do Samu: equilíbrio emocional e capacidade de trabalhar em equipe”. O enterro do médico aconteceu nesta sexta-feira no cemitério Parque da Colina, no Cantagalo. Diversas ambulâncias do Samu acompanharam o cortejo e fizeram uma homenagem ao médico por diferentes ruas da cidade. Olavo Cabral deixa esposa e um filho, Olavo, também médico.

© 2020. A Seguir Niterói. Todos os direitos reservados. Site por Grazy Eckert e João Marcos Latgé.