Escolas particulares de Niterói começam a reabrir para alunos do Ensino Médio dia 21

Gaylussac já está pronto para a volta; Abel e Salesianos fazem reuniões Por Natalie Vitorino Alunos de ensino médio poderão voltar às aulas presenciais em Niterói Depois de o Prefeito Rodrigo Neves anunciar na noite desta quinta-feira (17) que as escolas de Niterói poderão voltar com as aulas presenciais para alunos do Ensino Médio a partir desta segunda-feira, dia 21, muitos colégios já se preparam para reabrir as portas. Foram seis meses de escolas fechadas por causa da pandemia de Covid-19. O Sindicato das escolas privadas (Sinepe) informou que apoia a retomada das aulas presenciais e que os colégios vão cumprir todos os protocolos recomendados por autoridades de saúde. Leia mais: Saiba o que diz a Sociedade de Pediatria sobre volta às aulas Neste primeiro momento, apenas o Ensino Médio poderá voltar a ter aulas presenciais. Salesianos O Salesianos, um dos maiores da cidade e com duas unidades em Niterói (Santa Rosa e Região Oceânica), fez uma grande reunião nesta sexta-feira (18), com toda a sua equipe de professores e funcionários, para decidir sobre as medidas de segurança que serão tomadas e também quando a escola retornará às aulas para alunos do Ensino Médio. GayLussac Já a diretora-geral do Instituto GayLussac, Luiza Sassi, informou a escola está pronta para a reabertura, que vai ocorrer na próxima terça-feira (22). -Nosso plano de ação foi pautado em diferentes referências internacionais da UNESCO. Realizamos uma pesquisa que nos informou que 50% dos alunos e responsáveis desejam o retorno das aulas - disse. Ainda de acordo com Luiza Sassi, todas as salas foram equipadas com câmeras para transmissão simultânea durante as aulas e em cada sala haverá um assistente junto com o professor para que haja uma atenção maior aos alunos que, por enquanto, optarem por permanecer em casa. O Prefeito determinou que, mesmo com a volta das aulas presenciais, os colégios terão de manter também aulas on-line, num sistema híbrido, para os estudantes de famílias que ainda não se sintam seguras para a retomada. O GayLussac, segundo a diretora-geral, já está todo demarcado e sinalizado com o distanciamento, equipado com álcool, tapetes sanitizantes e lixeiras para o descarte infectante. Para entrar na escola, todos passarão por medição de temperatura. -Faremos um rodízio dos alunos. Em uma semana um grupo estará em casa e na outra semana o grupo que ficou em casa vai até a escola. Optamos por iniciar as aulas na terça-feira porque nesta sexta- feira (18) todos os professores e funcionários estão fazendo o teste de Covid IgG e PCR para que possamos aumentar o nível de segurança de todos. Apenas quem testar negativo terá o retorno autorizado - finalizou a diretora. Veja também: Leia artigo da diretora-geral do GayLussac sobre volta às aulas Abel O La Salle Abel informou que, no próximo dia 28 de setembro, se reunirá com outras instituições católicas do estado do Rio de Janeiro para que seja acordado quando vai ocorrer o retorno do ano letivo. O colégio recomendou que, por enquanto, os pais e alunos esperem o pronunciamento oficial da instituição, que será feito por e-mail e redes sociais depois da reunião do dia 28.

© 2020. A Seguir Niterói. Todos os direitos reservados. Site por Grazy Eckert e João Marcos Latgé.