Mesmo com pandemia, praias de Niterói ficam cheias no fim de semana

Areias estão liberadas para exercício físico, mas não para banhistas Por Carolina Ribeiro Engarrafamento na Avenida Almirante Tamandaré, em Piratininga, para entrar no bairro no domingo. Foto: Reprodução de vídeo As praias de Niterói estão liberadas apenas para exercícios físicos individuais no calçadão e na areia. Mas, além dos calçadões, as areias ficaram cheias durante o fim de semana de banhistas, o que em tese está proibido. A Guarda Municipal foi vista circulando, mas não multando as pessoas que tomavam sol. No domingo, viralizou o vídeo de uma moradora da Região Oceânica que mostra o trânsito na Avenida Almirante Tamandaré para entrar em Piratininga. Uma moradora do bairro gravou a fila de carros entre o DPO, onde é feita a barreira, e a entrada de Camboinhas. No vídeo, é possível ouvir a moradora questionando por que todas aquelas pessoas não estavam cumprindo a quarentena em casa. Laura Nunes, outra moradora do bairro, vive com a família em Piratininga, na Região Oceânica de Niterói. Desde o início da flexibilização do isolamento social ela vem percebendo o aumento do fluxo de visitantes na praia, principalmente aos finais de semana. Seu pai e a irmã precisaram sair de casa na último domingo e depararam-se com a fila de carros para entrar em Piratininga. O trânsito ia até a entrada de Camboinhas. - Tem a barreira sanitária próxima ao DPO, mas eles quase não param ninguém. A gente anda com uma conta bancária dentro do carro para comprovar a moradia no bairro, mas nunca nos pediram, não sei se já nos reconhecem, mas também não vejo pedirem a ninguém. Depois meu pai voltou pela estrada da ciclovia, onde também tinha guarda, mas passou direto. Já na praia, eram muitos grupos juntos que estavam com pouca distância entre eles, mas estava muito cheia. Parecia vida normal, eles disseram - contou Laura. Outro detalhe que chama atenção é que, após a liberação das praias para exercícios, o prefeito Rodrigo Neves voltou atrás em junho em relação à Região Oceânica. Ele informou que a entrada em bairros como Camboinhas, Piratininga, Itaipu e Itacoatiara seria proibida novamente devido ao descumprimento das regras. Mas isso não ocorreu. No último sábado, a prefeitura publicou um decreto informando que as vias públicas de acesso às praias da Região Oceânica de Niterói deveriam ser fechadas, sendo permitido apenas o acessos de moradores e serviços de entrega. Também está proibido o estacionamento nas proximidades das praias. Nada disso foi respeitado. Embora haja barreiras tanto na entrada de Itacoatiara como de Itaipu, por exemplo, os carros entravam livremente nos dois bairros, sem qualquer pedido de documento para comprovar moradia na região. Havia muitos carros inclusive de outros municípios. E as areias cheias de banhistas durante todo o fim de semana. A Prefeitura não respondeu o motivo do novo decreto e nem se os banhistas estão sendo multados.

© 2020. A Seguir Niterói. Todos os direitos reservados. Site por Grazy Eckert e João Marcos Latgé.