Niterói não pode correr riscos com extremistas e aventureiros, diz Rodrigo Neves ao lançar Axel

Em referência a bolsonaristas, candidato se diz preparado para enfrentar fake news: “Podem vir quentes que estaremos fervendo” Axel Grael (ao centro) com Rodrigo Neves e Paulo Bagueira, na convenção do PDT. Foto: reprodução da Internet O Prefeito Rodrigo Neves começou a se despedir de seu segundo mandato ao oficializar, em convenção do PDT nesta segunda-feira (31), a candidatura do ambientalista e ex-secretário Axel Grael à sua sucessão. Por causa da pandemia de Covid-19, havia representantes dos 14 partidos da aliança União por Niterói, mas com máscaras, sem festa nem militantes, numa reunião transmitida pelas redes sociais. A chapa será fechada nesta terça-feira, quando o Solidariedade confirmará o vereador Paulo Bagueira como vice de Axel. Em longo discurso de balanço de seu governo, depois de agradecer à população pelo apoio ao enfrentamento à pandemia de Covid e enumerar obras e ações, Neves defendeu a chapa Axel-Bagueira num claro recado contra partidários do presidente Jair Bolsonaro, que venceu as eleições de 2018 na cidade: - Niterói não pode correr risco com extremistas e aventureiros que não conhecem a cidade e que representam tão somente interesses externos – disse o Prefeito, afirmando que vai enfrentar e derrotar também as “famigeradas fake news”, no mesmo tom usado depois por Axel. - Eu não tenho qualquer dúvida de que a chapa apresentada é a melhor para dar continuidade às transformações positivas, corrigir o que tiver que corrigir, inovar cada vez mais, fazer nossa cidade avançar e proteger Niterói – disse Neves. Niterói não pode correr riscos – completou. Também discursaram a secretária de Fazenda, Giovanna Victer, o deputado estadual Waldeck e o deputado federal Chico D’Ângelo, todos do PDT. No palco estavam apenas Rodrigo Neves, Axel e Bagueira, com suas mulheres. Os elogios à gestão do Prefeito se repetiram. Neves falou de sua prisão em 2018 e do pedido de impeachment apresentado mas rejeitado pela Câmara de Vereadores, tratado por vários dos presentes como uma tentativa de golpe. - Fui detido ilegal e arbitrariamente. Não há prova contra mim, nunca fui ouvido. A injustiça, o arbítrio, a ilegalidade que eu e Niterói sofremos não foi para a frente. O Colegiado do Tribunal de Justiça arquivou a denúncia, sem sequer abrir o processo, por falta de provas, em relação às falsas acusações de formação de quadrilha e organização criminosa – discursou, afirmando que ele e sua família só têm um apartamento de classe média em Santa Rosa, onde vivem até hoje. - Meu amigo e irmão Axel representa as melhores aspirações do povo de Niterói neste momento tão importante na história da cidade. Eu o conheci há muitos anos, quando recolhia assinaturas para a criação do Parque da Serra da Tiririca. Pertence a uma família querida da cidade, um dos maiores símbolos e orgulhos de Niterói, das conquistas olímpicas. É um apaixonado pela cidade, conhece cada canto de Niterói, e sempre teve sensibilidade social, a ponto de criar com os irmãos o projeto Grael, que construiu um futuro melhor, pela educação e pelo esporte, para crianças e jovens. Foi meu vice, secretário, é o melhor quadro para liderar e governar Niterói pelos próximos anos – defendeu Rodrigo Neves. Último a falar na noite, Axel citou os 14 partidos que o apoiam, voltou a enumerar avanços do governo Rodrigo Neves, do qual participou nos dois mandatos, e prometeu anunciar na segunda quinzena de setembro um plano de governo, dizendo que será uma gestão de continuidade à de Rodrigo Neves. - Temos certeza que teremos uma campanha difícil e que alguns adversários acabam apelando para fake news, mas a forma de combater a mentira é mostrando a verdade. E estamos preparamos para combater isso. Podem vir quentes que nós estaremos fervendo para proteger Niterói contra essas pessoas que não têm o compromisso com a verdade, que não têm capacidade de fazer processos de avanços como conseguimos fazer - disse Axel. Ele lembrou os projetos planejados pela Prefeitura, como o Niterói que Queremos, um plano de desenvolvimento de curto, médio e longo prazo, estruturado em 2014, e que será usado para manter o direcionamento da cidade. Entre as prioridades, prometeu levar o programa de segurança Niterói Presente para a Região Oceânica, concluir a modernização do sistema de saúde (o programa Remédio em Casa e implementar o prontuário eletrônico), investir na qualidade da educação e na modernização dos recursos pedagógicos, implementar a requalificação da Alameda São Boaventura, no Fonseca, e se necessário, municipalizar o sistema lagunar - de responsabilidade do Estado.

© 2020. A Seguir Niterói. Todos os direitos reservados. Site por Grazy Eckert e João Marcos Latgé.