Novas lojas em Icaraí mostram que economia de Niterói começa a reagir

Na Moreira César, vitrines fechadas que viraram símbolo da quebradeira na pandemia já exibem novas marcas Nova loja de informática na esquina de Moreira César com Lopes Trovão. Foto: Silvia Fonseca Na economia, uma das marcas mais visíveis da pandemia de Covid em Icaraí foi a grande quantidade de pontos comerciais fechados com placas de "aluga-se" ou "vende-se". Depois de quatro meses de portas fechadas e de mais de um com o comércio agora reaberto, algumas dessas lojas já exibem novas marcas, novas cores, num sinal de que a economia começa a reagir. Só no Shopping Icaraí, pelo menos dez lojas fecharam durante o período de quarentena. Veja como estava desolador o cenário no principal shopping da Moreira César em: https://bit.ly/3lfc7rX Na esquina de Moreira César com Lopes Trovão, uma das mais movimentadas do bairro, o ponto onde por anos funcionou uma loja de bijuteria agora está pronto para reabrir, desta vez com um negócio de venda de material de informática. Ali, na esquina, eram três lojas fechadas, uma ao lado da outra. Além da loja de informática, também já "nasceu" uma nova de bijuterias, restando apenas uma vazia. Na esquina da Moreira César com Belisário Augusto, foi inaugurada semana passada uma enorme loja da Drogaria Tamoios, que fechou a da Oswaldo Cruz e reabriu ali, num espaço muito maior. A nova loja da Tamoio na esquina de Moreira César com Belisário Augusto. Foto: Silvia Fonseca Os sinais de recuperação ainda são poucos perto do tanto que sofreu o comércio na pandemia, mas mostram que os investimentos começam a voltar. Na semana que vem, dia 1 de setembro, começam as vendas das 180 novas lojas no Novo Mercado Municipal, o que tem provocado grande expectativa em empreendedores da cidade.

© 2020. A Seguir Niterói. Todos os direitos reservados. Site por Grazy Eckert e João Marcos Latgé.