Os médicos mortos pela Covid-19 no Estado do Rio

Cremerj faz homenagem aos profissionais de saúde Levantamento do Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio de Janeiro (Cremerj) mostra que 29 médicos já morreram em decorrência da Covid-19 apenas no estado, desde o início da pandemia até o último domingo, 17 de maio. O movimento #NiteróiAplaudeQuemCuida fará uma segunda edição nesta terça-feira (19) para homenagear não apenas os médicos, mas todos os profissionais de saúde que estão na linha de frente do combate ao coronavírus na cidade. O movimento pede que a população vá para as janelas de suas casas, às 20h, para aplaudir esses trabalhadores. Segundo o Cremerj, os médicos mortos pela Covid-19 no Estado do Rio são: Paulo Chamma, Sérgio Fagundes, Luiz Sérgio Herthal do Espírito Santo, Astolfo Serra, Claudia Nogueira Cardoso, Ricardo Antonio Piacenso, José Manoel de Melo Gomes, João Batista Marangoni, Celso de Almeida Felício, Magna Sandra de Deus, Justino Lage Neto, Ana Maria Caldonceli Vidal Sartori, Edsneider Rocha Pires de Souza, Paulo Cesar Saraiva, Maurício Barbosa Lima, Marsel Alencar Seabra, Darlan Buissa, Rubens Esquenazi, Maurício Naoto Saheki, Aldir Blanc Mendes, Gilberto Fonseca, Célia Bastos Pereira, Flávio Rezende Dias, Carolina Barros Patrocínio, Danilo David Santos Silva, Thelmo Trilha Sym, Victor Luiz Bon e Pasquale Francisco Giglio. O Cremerj não informou quantos são de Niterói, mas pelo menos dos citados, os radiologistas Célia Bastos Pereira e Victor Luiz Bon, estudaram na UFF e trabalhavam em Niterói.

© 2020. A Seguir Niterói. Todos os direitos reservados. Site por Grazy Eckert e João Marcos Latgé.