Plano de Saneamento de Niterói prioriza limpeza de rios e lagoas

Projeto segue para Câmara de Vereadores A secretária Dayse Monassa em evento na Câmara de Vereadores A Prefeitura apresentou o Plano Municipal de Saneamento Básico de Niterói, a ser desenvolvido ao longo dos próximos quatro anos, com ênfase na dragagem dos rios, valões e lagoas da cidade. O projeto, encaminhado à Câmara de Vereadores, prevê “serviços de abastecimento de água potável, esgotamento sanitário, limpeza urbana, manejo de resíduos sólidos, drenagem e manejo das águas pluviais, limpeza e fiscalização preventiva das respectivas redes urbanas.” A Secretária de Conservação e Serviços Públicos, Dayse Monassa, explicou que o projeto foi feito com base no diagnóstico realizado pela empresa Ampla Assessoria e Planejamento, que mapeou a cidade com o objetivo de estabelecer os critérios e investimentos que deverão ser aplicados no município, para a implantação, já em 2020. -Somos o município com maior índice de saneamento do estado e uma das 20 cidades brasileiras com melhor plano de saneamento básico. Temos 100% da cidade com abastecimento de água potável. Estamos próximos de atingir a universalização do esgotamento sanitário e somos a primeira cidade no Estado e a segunda melhor cidade do país em gestão de resíduos sólidos, e agora estamos com maior foco na drenagem urbana. É importante ressaltar que saneamento é saúde e a cada real investido no saneamento há uma economia de R$ 4 gastos na saúde -, explica.

© 2020. A Seguir Niterói. Todos os direitos reservados. Site por Grazy Eckert e João Marcos Latgé.