Uma janela aberta

Por Luiz Claudio Latgé A vida pela janela. A cidade vista como uma recordação, um caminho percorrido às cegas, guiado pela memória. O mar ativa os sentidos, o barulho das ondas, a maresia. Sílvia e Sérgio caminhando em sentido contrário. Fernanda Keller corre. Daniel e Ana Paula estão no frescobol. Toninho abre o coco na Boa Viagem com o golpe certeiro do facão. Aquele ponto revela a baía de Guanabara, o Pão de Açúcar. A vista é linda, mesmo encoberta por prédios e antenas que limitam o mundo na quarentena. A igreja, o forte, o Centro, o mercado de peixe. Cherne! Corvina! Camarão a 20 reais! O Mário oferece a conversa e o bolinho de bacalhau no balcão. Vizinho do Alexandre e da dona Henriqueta, o melhor legado da presença portuguesa na cidade. Lojas e shoppings disputam a atenção. O violino dos meninos da Grota anima a calçada. O que tanto falam naquela mesa da esquina do Turco? Um território improvável de árabes e judeus, mesmo desaparecidas as joalherias e lojas de tecidos. O professor da Matta pode falar sobre nossos paradoxos. Antropologicamente. Ou o Emílio, filosoficamente. Ou Dalto, loucamente poético. Por onde andarão? Onde estão meus colegas do futebol, do vôlei, da escola? Do Centro, do Abel, do Salesianos... Talvez estejam pelo Campo de São Bento. Com os filhos no bate-bate, ou sem pudor no acarajé. Já sei, na empada do Alfredo! Ou no Antônio do bacalhau. Um dia cheio, percorrendo a cidade. As bicicletas encostadas na calçada. Não vejo Luiz Otávio, Ricardo nem Tetê, deverão estar de plantão, com os hospitais cheios. A UFF trabalhando intensamente para nos resgatar pela ciência. Faz tempo que estou na janela. Tenho que entrar. Ainda vou botar a roupa na máquina e cuidar da cozinha. Acho sobraram uns pedaços de frango do último delivery. Encosto a janela e entro. Que bom ter todo mundo por perto, encontrar a cidade como aprendemos a viver, a cada dia, tudo no mesmo lugar de sempre. Todo mundo. Todos nós. Vamos passar por tudo isto.

© 2020. A Seguir Niterói. Todos os direitos reservados. Site por Grazy Eckert e João Marcos Latgé.